Lajes Pintadas recebe Carro Pipa e Pá carregadeira e reforça parque de máquinas

0

IMG_3832

O crescimento de Lajes Pintadas é notório. São várias obras ocorrendo no Município que se desenvolve de forma ordenada. Ontem, recebeu mais duas máquina pesada para reforçar ainda mais a secretaria de Obras.
Desde o inicio do governo de Nivaldo que não parar de chegar veículos do governo federal para aumentar a frota do município, já foram recebidos, Retro escavadeira, dois ônibus escolar, patrol e ontem foi a vez de mais duas maquinas o carro pipa adquirida do Governo Federal através do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC2).

IMG_3834

 

 Agora, a novidade é a pá carregadeira que auxiliará muito no cumprimento das demandas.“Essa máquina é de muita importância para nossa cidade, o que ajudará muito mais na recuperação de nossas estradas rurais e vicinais assim como também será de grande utilidade para a agricultura. Sinto-me muito feliz e Lajes pintadas mais uma vez de parabéns”, ressaltou o prefeito Nivaldo Alves.

Globo Rural traz reportagem sobre a influência da Sanfona contada por Amazan neste domingo.

0
O Globo Rural deste domingo (22) estará exibindo a reportagem especial sobre a influência da Sanfona na região nordestina. O programa da Rede Globo começa as 7 horas. Para ilustrar a reportagem, a história de sucesso do sanfoneiro Amazan, e sua fábrica de sanfonas Leticce.
As imagens foram gravadas em Jardim do Seridó, com a participação de sanfoneiros conhecidos como Gilvan do Acordeon, Chico de Manoel de Rita e Neném de Laura, além de jovens talentos de Parelhas, e outros municípios da região. Também foram feitas imagens em Campina Grande, cidade onde Amazan se profissionalizou e instalou a sua fabrica de sanfonas.
por marcos dantas

Servidores do ITEP ameaçam retomar greve após o Natal

0

Diante das recentes medidas do Governo do Estado, consideradas prejudiciais aos servidores do ITEP, o Sinpol/RN realizou reunião de emergência na frente do órgão, nesta sexta-feira (20), e convoca assembléia extraordinária para a próxima quinta-feira (26), às 18h, no auditório do sindicato, situado na Avenida Rio Branco, quando poderão deliberar, inclusive, pela retomada de greve.

Além do descumprimento de acordo com a categoria, que previa o envio até o dia 15 passado do projeto de Lei Orgânica e Estatuto do órgão para votação na Assembleia Legislativa, o Governo, através da Sesed, está adotando medidas prejudiciais, como o corte de plantões, que está inviabilizando o fechamento das escalas de vários serviços essenciais ao funcionamento do ITEP, e pior: impondo aos funcionários que preencham as escalas recebendo irregularmente adicionais noturnos (cerca de 10% do valor do plantão) para trabalharem as 24 horas e com o aval do Ministério Público.

O Sinpol afirma que repudia a medida e avalia ingressar ação judicial contra o Estado e ressalta aos servidores que tais medidas estão sendo tomadas sem que o sindicato, legitimamente representante da categoria, tenha direito de participar das reuniões com a cúpula governamental e Ministério Público, que vem discutindo a jornada de trabalho no órgão, além de outras medidas igualmente preocupantes, como a devolução de servidores para órgãos de origem (o presidente da entidade, Djair Oliveira, foi inclusive expulso da reunião de ontem e foi impedido, juntamente com outros diretores, de participar hoje de reunião na sede do órgão com participação do MP e Tribunal de Justiça, e que contou com a presença da imprensa).

Segundo Djair, a devolução de servidores, além de descabida, prejudicará ainda mais o funcionamento do órgão, vez que algumas funções técnicas primordiais que são ocupadas prioritariamente por servidores relotados e redistribuídos que labutam há anos no ITEP/RN. Na ausência dos mesmos, as escalas, já desfalcadas pelo ínfimo número do quadro de pessoal, serão totalmente esvaziadas.

MAIS
A situação do órgão nesta sexta-feira, diante já das escalas desfalcadas de ASGs, era de sujeira e abandono total. Servidores denunciaram ainda a existência de cadáveres em estado de putrefação expostos no pátio, além de situação de total insalubridade nas salas que dão plantões, como presença de mofo e animais peçonhentos.

Do portal Bo

Mensalão representou ‘sofrimento’ para integrantes do PT, diz ministro

0

Ao fazer um balanço do ano, o ministro da Secretaria-Geral da Presidência, Gilberto Carvalho, afirmou que o processo do mensalão representou “sofrimento” para integrantes do PT. Na leitura do ministro, petista histórico e importante interlocutor político do governo, a “sanha” pela condenação não faz sentido.

“Tirando o sofrimento que foi para todos nós, o povo sabe colocar as coisas na sua devida escala”, disse Gilberto, que atribuiu a expectativa pela prisão dos réus no processo como uma “aposta meio despreparada”. “As pessoas têm bom senso, porque essa sanha não faz sentido. Isso é uma coisa de humanidade.”

O ministro também criticou a repercussão das ofertas de emprego oferecidas ao ex-ministro-chefe da Casa Civil José Dirceu, que foi condenado inicialmente a sete anos e 11 meses de prisão em regime semiaberto. A primeira oferta era para uma vaga com remuneração de R$ 20 mil. Nesta semana, ele recebeu outra oferta para um emprego com salário de R$ 2,1 mil para cuidar de uma biblioteca.
“Antes criticavam o Zé (Dirceu) porque ele ganhou um emprego. Estava tratando de um emprego de não sei quantos mil. Agora, tem um outro problema porque é só R$ 2 mil. Para com isso!”, apelou.

 

Terra

Telexfree, bloqueada, ainda permite registros a partir do Brasil

0

As atividades da Telexfree são alvo, há cerca de um mês, da Divisão de Delitos Tecnológicos da Procuradoria Geral da República Dominicana, equivalente ao Ministério Público Federal do Brasil. Foto:Divulgação

A Telexfree ainda permite cadastros de moradores do Brasil – apesar de uma decisão judicial ter impedido o negócio no País há seis meses, por suspeita de ser uma pirâmide financeira. Nesta semana, a reportagem conseguiu se inscrever e indicar um endereço brasileiro no sistema de pagamentos contratado pela empresa, o E-Wallet.

Apresentada como um modelo de ganhar dinheiro com venda de serviço de telefonia VoIP e colocação de anúncios na na internet, a Telexfree conquistou 1 milhão de pessoas no País, chamados de divulgadores. Para se ter uma ideia do sucesso, o termo “Telexfreee” foi o segundo mais buscado no Google em 2013. Bateu, inclusive, a novela “Salve Jorge” e o reality show “A Fazenda”.

Desde junho, quem acessa o site em português da Telexfree encontra um aviso de que a “estão proibidas novas adesões à rede Telexfree”. A determinação foi imposta pela 2ª Vara Cível de Rio Branco, a pedido do Ministério Público do Acre (MP-AC), que investiga a empresa.

Para driblar o bloqueio, basta um clique, conforme explica um divulgador que conversou com a reportagem por meio do Skype – em tese, um concorrente do Voip da Telexfree – sem se identificar.

“Acessa o site normal [da Telexfree] e clika [sic] na bandeira americana”, orienta o divulgador João*, que indicou a reportagem para que fizesse parte do grupo de divulgadores. “Vamos acessar o site americano.”

Orientação semelhante foi recebida do divulgador Sílvio*, ao qual a reportagem chegou por indicação de Fanny*, apontada como uma da “top 10” integrantes da Telexfree nos Estados Unidos.

Para o MP-AC, o serviço de Voip, apontado como uma das principais fontes de faturamento da empresa, é apenas uma fachada. Os recursos obtidos pela empresa viriam das taxas de adesão pagas pelos divulgadores, que vão de US$ 289 a a US$ 1.375.

“Quando entrei, eu pretendi apenas fazer as postagens [de anúncios], mas a Fanny começou a enviar pessoas. Aí eu fui cadastrando e fazendo binário e trinário e residual [termos usados para identificar os bônus pagos pela Telexfree].  Agora minha renda ao todo é R$ 5.200″, conta Sílvio, que afirma estar há cinco meses “na rede dos EUA”.

do bg