Polícia encontra corpo carbonizado que pode ser de adolescente desaparecido no Seridó potiguar

0
Adolescente Claudimar Jefferson desapareceu no sábado (22)   — Foto: Reprodução/Facebook
Um corpo que pode ser do adolescente Claudimar Jefferson da Silva Melo, de 17 anos, desaparecido desde sábado (22) em Parelhas, na região Seridó potiguar, foi encontrado na manhã desta terça-feira (25). Ele está em uma área de difícil acesso na zona rural do município, conhecida como Areias. A Polícia Militar e a Polícia Civil foram ao local onde o cadáver foi encontrado e aguardam a chegada da perícia.
“Ainda tenho esperança de encontrar meu filho com vida”, afirmou Cláudio Melo, pai de Claudimar. Ele afirmou que não acredita que o corpo seja o do filho, porque o local fica na direção do vento para a cidade e nos últimos dias não foi vista nenhuma fumaça na região.
De acordo com a polícia, o estado em que o corpo foi encontrado não permite uma identificação visual. Os investigadores precisarão de exames periciais (DNA ou arcada dentária) a serem realizados pelo Instituto Técnico-Científico de Perícia (Itep) para confirmar a identidade da vítima.
De acordo com a PM e familiares, o corpo foi encontrado por volta das 9h30. Não havia nenhuma motocicleta perto dele, mas havia um pneu sobre o corpo carbonizado.
Desaparecimento
Claudimar foi visto pela última vez em casa, pelo pai, por volta de 11h do sábado (22). Ele é estudante do curso de Informática do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte (IFRN) em Parelhas. Segundo o pai, o adolescente saiu de motocicleta sem dizer para onde iria.

G1 RN

Santa Cruz: Maré Mansa com Grandes Novidades para o ‘Dia das Crianças’

0

A Rede de Lojas Maré Mansa mais uma vez surpreende sua clientela inovando e ampliando seu Mix de produtos, e agora vai trabalhar com alinha de brinquedos já visando o Dia das Crianças que se aproxima.
A Maré Mansa fica situada na Praça Cel. Ezequiel Mergerlino, centro, Santa Cruz, RN.

 

Autoescola Três a Um tem crediário próprio para facilitar clientes em Santa Cruz e toda região a retirar sua CNH

0

autoescolacrediario

A Autoescola Três a Um tem um compromisso com Santa Cruz e região!
Além de oferecer melhor infraestrutura, melhor atendimento e profissionais mais qualificado, a autoescola busca trazer as melhores condições para o cliente retirar sua Carteira Nacional de Habilitação(CNH).
Por isso, que agora a Autoescola Três a Um está ofertando seus serviços com crediário próprios. É isso mesmo! Você não precisa mais ter o valor completo na hora da matricula e nem cartão para ter sua Carteira Nacional de Habilitação (CNH).
Com uma pequena entrada de R$ 199,00, o futuro condutor pode parcelar no crediário próprio da Autoescola Três a Um em até quatro vezes, garantindo maior facilidade do mercado para ter sua CNH.
Além dessa facilidade, a Autoescola Três a Um garante ao cliente que cobre qualquer oferta da concorrência.
Então não perca tempo. Visite hoje mesmo a melhor Autoescola da região Trairi, comprove a estrutura e tenha facilidade necessária para ter sua Carteira Nacional de Habilitação.
A promoção é valida durante todo mês de setembro e para o curso feito em Santa Cruz. Procura a líder do Trairi e dê entrada em sua CNH.
Responsabilidade, compromisso e competência, só na Autoescola Três a Um, funcionando no bairro Três a Um, as margens da BR-226. Entre em contato nos telefones: (84) 3291-4581 / 99959-9945 / 998320799.

Mais da metade dos candidatos faltam em prova de concurso da Polícia Militar do RN

0

Polícia Militar do Rio Grande do Norte — Foto: Demis Roussos/Governo do RN

Mais da metade dos candidatos inscritos no concurso da Polícia Militar do Rio Grande do Norte faltou à prova que aconteceu neste domingo (23). De acordo com o Ibade, banca organizadora do concurso, 60% dos concorrentes não compareceram à prova.
O concurso registrou 12.841 inscritos para mil vagas de praças da PM. As provas aconteceram em Natal, Mossoró e Caicó e, de acordo com o Ibade, “a aplicação ocorreu com tranquilidade e dentro da normalidade esperada, sem ocorrências”.
A divulgação das notas das provas objetivas está prevista para 17 de outubro.
Os aprovados em todas as etapas do concurso só devem ingressar na Polícia Militar em 2019. O curso de formação demora 10 meses. O déficit no efetivo, segundo a PM, é de cinco mil policiais.

G1 RN

Horário de verão começa a valer em novembro, após a eleição

0
Sxc / Divulgação
Os descontentes com o horário de verão terão menos dias de sofrimento nesta temporada. Em 2018, será aplicado pela primeira vez o decreto presidencial que empurrou de outubro para o primeiro domingo de novembro a mudança nos relógios.
Com isso, o horário de verão começará no dia 4 de novembro. No ano passado, por exemplo, quando ainda valia a regra do terceiro domingo do décimo mês, começou em 15 de outubro. O próximo horário de verão terminará em 16 de fevereiro. Em comparação com o do ano passado, terá 21 dias de duração a menos.
A mudança nas regras foi definida em dezembro do ano passado pelo presidente Michel Temer, a pedido do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Então à frente do TSE, o ministro Gilmar Mendes argumentou que a vigência do horário de verão em meio ao período eleitoral agravava os problemas relativos à existência de diferentes fusos horários eleitorais no país, podendo confundir os votantes e aumentar a abstenção.
A mudança ocorreu depois de um processo em que o governo discutiu até mesmo extinguir o horário de verão, a partir de dados do Ministério de Minas e Energia que apontavam uma efetividade decrescente da medida para economizar eletricidade. Ao longo do tempo, Estados que participavam, como a Bahia, decidiram ficar de fora do horário de verão – o sistema é eficaz apenas em regiões mais distantes da linha do Equador. Atualmente, os relógios são adiantados em uma hora em 10 Estados (Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, São Paulo, Rio de Janeiro, Espírito Santo, Minas Gerais, Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul) e no Distrito Federal.
O objetivo primordial do horário de verão é intensificar o uso da luz natural em relação à artificial. Quando os relógios são adiantados em uma hora, espera-se uma queda da concentração de consumo de energia no horário entre 18h e 21h. Com isso, ocorre um achatamento da curva de consumo, com um menor carregamento nas linhas de transmissão, nas subestações e nos sistemas de distribuição de eletricidade.