Autoescola Três a Um tem crediário próprio para facilitar clientes em Santa Cruz e toda região a retirar sua CNH

0
autoescolacrediario
A Autoescola Três a Um tem um compromisso com Santa Cruz e região!
Além de oferecer melhor infraestrutura, melhor atendimento e profissionais mais qualificado, a autoescola busca trazer as melhores condições para o cliente retirar sua Carteira Nacional de Habilitação(CNH).
Por isso, que agora a Autoescola Três a Um está ofertando seus serviços com crediário próprios. É isso mesmo! Você não precisa mais ter o valor completo na hora da matricula e nem cartão para ter sua Carteira Nacional de Habilitação (CNH).
Com uma pequena entrada de R$ 199,00, o futuro condutor pode parcelar no crediário próprio da Autoescola Três a Um em até quatro vezes, garantindo maior facilidade do mercado para ter sua CNH.
Além dessa facilidade, a Autoescola Três a Um garante ao cliente que cobre qualquer oferta da concorrência.
Então não perca tempo. Visite hoje mesmo a melhor Autoescola da região Trairi, comprove a estrutura e tenha facilidade necessária para ter sua Carteira Nacional de Habilitação.
A promoção é valida durante todo mês de setembro e para o curso feito em Santa Cruz. Procura a líder do Trairi e dê entrada em sua CNH.
Responsabilidade, compromisso e competência, só na Autoescola Três a Um, funcionando no bairro Três a Um, as margens da BR-226. Entre em contato nos telefones: (84) 3291-4581 / 99959-9945 / 998320799.

CDL publica Nota de Repúdio com duras críticas contra tentativa de boicote ao comércio local

0

cdlcasaempresario

A Câmara dos Dirigentes Lojistas (CDL) de Santa Cruz publicou nesta quarta-feira uma Nota de Repúdio a tentativa de boicote contra o comércio local. A nota é assinada pelo presidente da entidade, Marcelino Dantas.
A entidade de classe afirmou em nota, com duras críticas, que é inadmissível que em um estado de direito democrático, pessoas quererem boicotar estabelecimentos comerciais por pensamentos políticos e ideológicos.
A CDL ainda afirmou estar a inteira disposição dos comerciantes para que os problemas que surgirem serem solucionados e que sempre estará a favor do comércio local, especialmente quando for de expressar seus pensamentos.
A seguir a nota na íntegra:

notacdlboicote

Transparência, fiscalização e emendas às áreas essenciais, promete Albert Dickson

0
Um currículo invejável para quem está na política potiguar há pouco menos de uma década. Hoje deputado estadual, também foi primeiro e segundo secretário da Câmara Municipal de Natal – casa que depois presidiu e para a qual garantiu recursos para a construção da sede própria, que será na praia da Redinha. Tudo em apenas um mandato. Firmeza e agilidade, alinhado ao pensamento baseado na transparência, fizeram Albert Dickson – médico e auditor-fiscal concursado – a ganhar a confiança do eleitorado.
Eleito deputado estadual como o mais votado em sua coligação nas eleições passadas, ele agora está em campanha para a reeleição com um histórico de dar inveja aos seus adversários. Ele lembra que a transparência nas ações começou no seu mandato de vereador, quando implantou a TV Câmara aberta, criou o portal da transparência e foi em busca dos recursos para a construção da nova Câmara de Natal, com sede própria na praia da Redinha.
Para Albert Dickson, o que o motiva na política é poder contribuir com a melhoria da sociedade em todo o Estado, por meio de projetos de lei e de emendas que garantam recursos nas três áreas mais carentes: saúde, segurança e educação. Deputado estadual pelo Partido Republicano da Ordem Social (Pros), Albert Dickson foi eleito o parlamentar do ano em 2014, como o campeão em elaboração de projetos de lei. Ele recebeu esta premiação tanto na Câmara de Natal, quanto na Assembleia Legislativa.

Filho de Henrique Alves é preso por porte de drogas em operação da PCDF

0
O produtor cultural Eduardo José de Azambuja Alves, filho do ex-ministro Henrique Alves (DMB), foi preso na última terça-feira, 18, no Distrito Federal, após uma operação da Polícia Civil que resultou no cumprimento de um mandato de busca e apreensão em sua casa. Os agentes policiais encontraram no escritório de Eduardo José, localizado na QI 23 do Lago Sul, três sacos plásticos contendo entorpecentes ilícitos (ecstasy em pó, haxixe e MDMA – variação do ecstasy).
Alves é investigado na Operação Praia de Goa, deflagrada pela Polícia Civil do DF com objetivo de apurar lavagem de dinheiro, organização criminosa e estelionato contra a administração pública, supostamente realizados pela produtora R2, da qual o filho de Henrique é sócio, e que organiza um dos maiores eventos culturais do Distrito Federal: Na Praia.
Eduardo José de Azambuja Alves contou em depoimento na delegacia que a droga era para consumo pessoal, e que teria recebido gratuitamente as substâncias com “um amigo de um amigo” durante uma festa realizada num condomínio no Lago Sul. Ele assinou termo circunstanciado se comprometendo a se apresentar à Justiça.
De acordo com o portal Metrópoles, entre os alvos dos 15 mandados de busca e apreensão, estão sócios da empresa, servidores e órgãos públicos. Foram realizadas buscas e apreensões nas administrações regionais de Brasília, do Lago Norte e nas secretarias de Cultura e do Esporte. Os mandados foram expedidos pela 2ª Vara Criminal de Brasília. O Ministério Público do Distrito Federal e Territórios (MPDFT) acompanha a operação. Os investigadores creem que descobriram um dos maiores esquemas de lavagem de dinheiro envolvendo a dinâmica da realização de eventos culturais do DF.

Agora RN